Minha história…

ENTREVISTA COM IVAN MEYER —- SUA HISTÓRIA PODE SER IGUAL A MINHA !

15 de novembro de 2011 às 19:26

PERGUNTAS FEITAS PELO VIOLINISTA GUILHERME DA COMUNIDADE VIOLINOS .

GUILHERME PERGUNTA :

Ivan, eu tenho algumas perguntas.

1. como foi sua formação musical? com qual instrumento você iniciou e como adquiriu uma alta proficiencia no cello e em varios instrumentos de sopros?

2. como voce encara a diferença no estudo da musica erudita e da musica popular, no que diz respeito a tecnica e linguagem? o que te toma mais tempo de estudo?

3. eu vejo vc sempre muito empenhado em alguma nova empreitada, seja no estudo do oboe, gravações de jazz com flauta doce ou na construção do explicasax. quais são hj as suas aspirações como musico e professor? vc tem planos para medio e longo prazo que possa dividir com a gente?

4. quais são as caracteristicas mais importantes em um musico ou de um estudante de musica na sua opinião? o que alguem deve buscar para se tornar uma pessoa musical e um profissional de respeito?

Respondendo ao Guilherme Pergunta 01

1. como foi sua formação musical? com qual instrumento você iniciou e como adquiriu uma alta proficiencia no cello e em varios instrumentos de sopros?

R : Guilherme, minha formação musical foi no conservatório tradicional de música regido pelo M.E.C. ou seja um conservatório estadual da cidade de Pouso Alegre -MG .Dos 9 aos 11 anos fui a maior decepção do conservatório ,NÃO CONSEGUIA TOCAR NEHUM INSTRUMENTO , uma merda musical rsss Tão ruin que ninguém mais queria dar aulas pra mim, pois a cada 06 meses eu era reprovado em um instrumento ..primeiro violão…depois bateria ….depois piano….não adiantava eu não estudava nehum instruemnto e odiava estudar música ,pois era obrigado pelo meu pai e pela minha Tia que era professora do conservaotÁrio da cidade rsss

Depois de ser reprovado em 04 instrumentos por 04 semestres consecutivos….fui convidado a SAIR do conservaotÁrio de P.A. (Imagine minha Tia que era professora do Conserva rsss) Pois então chamaram o meu pai e falaram que eu não poderia estudar mais na escola e dsar lugar a outro , pois ja fazia 03 semestres que era reprovado e sem nehuma chance ou dom para música .Meu pai então implorou para dar mais uma chance pra mim (Ainda lembro disso rss) Eu perguntei a diretora do conservatório : Maestro não precisa tocar nehum instruemento certo ?

Ela disse : Correto , o maestro não precisa tocar , Então eu disse QUERO SER MAESTRO rsss Só para não precisar tocar nehum instrumento

Mas não tinha cusro para maestro Mirin rsss pois eu tinha então quase 12 anos e não sabia tocar e nem cantar nada UMA MERDA MUSICAL rsss

Não existia na história do conservatório um aluno pior do que Ivan Meyer , a negação no mundo da música e das artes.

Foi então que depois de tomar varias reprovações e não conseguir tocar nehuma música em nehum dos instrumentos que estudei no conservatório, onde a piada era QUEM SERA O PRÓXIMO PROFESSOR DO IVAN ???

Pois era uma aberração musical,sem dom, sem talento, sem vocação …

Até que um dia ….

Me colocaram para fazer aulas de flauta doce rsss

Eu era tão ruin que a professora amarrava meus dedos na flauta com durex ,para que eu tocasse somente a nota sol ela passou durex nos meus dedos prendendo os dedos na flauta e escreveu nos meus dedos SI, LA, SOL …eu era tão sem jeito pra música que ela ficava assustada rssss

Mas ai eu consegui tocar uma música a famosa BAM BALALÃO do, do,do,sol….sol.do..do..do..sol…sol..do..do…do..re..re..re..sol..sol..sol..

.do……

Foi uma vitória Depois de 02 anos de conservatório e ter passado por Violão, piano, bateria , eu consegui tocar uma música

.

Ai eu gostei …e comecei a estudar a flauta doce o dia inteiro….então aos 12 anos de idade ja estava tocando legal a flauta doce e algo mágico aconteceu como se tivessem apertado um botão em mim rsss Aos 13 anos eu tocava Clarinete, Contrabaixo acustico, flautas, Saxofone , piano e ganhei o apelido do Homem dos 07 instrumentos e virei alvo dos professores mas desta vez eles falavam Como é possível o Ivan estar tocando todos estes instrumentos ????Pois bem algo mágico aconteceu pois um dia eu acordei e cantava afinado, o ouvido ficou esperto, e lia partitura super bem aos 14 anos de idade já trabalhava profissionalmente com uma big Band onde eu era o Baixista delea e depois passei para o Clarinete e sax barítono.

E já tocava cello com um quarteto no Conservatório e depois em uma orquestra de camara .

Dos 14 aos 17 ganhei um monte de concursos de música entre conservatórios , toquei como premio no Concertos para a Juventude uma obra de Handel para Flauta e violão (Com Agileu Motta )

A verdade é que depois dos 13 anos eu estudei música pelo menos de 6 a 08 horas todos os dias inclusive sábados e domingos..

Queria ser um multi instrumentista e tocar vários e acabei conseguindo isso .

Aos 18 anos eu fui para São Paulo estudar música (Fazer Faculdade ,pois terminei o conservatório ) Aos 18 ja tocava Corne Ingles na Estadualzinha em Sampa e depois fiz teste para Cello na Estadualzinha e..

e entrei na ultima estante rsss Depois de 06 meses teve teste novamente entre todos e eu ganhei para Spalla e ai fiquei por 04 anos como spalla de cello da Estadualzinha em Sampa (Maestro Juan Serrano ) e então paralelamente eu dava aulas de saxofone no Souza lima em Sampa e acompanhava uma cantora e um grupo de Samba…

Onde então depois de ter feito aulas de cello no Festival de Campos do Jordão , onde eu estudava o concerto de Bocherinni em Bb maior para cello com o Mathias (Toca na sinfonica de Berlin ) O Mathias me disse : Se você conseguir chegar na Alemanha eu dou aulas de graça pra você e te dou uma força,mas precisa chegar lá.

.

Ai advinhem que banda de samba ia para Europa ? Exatamente a que eu tocava sax rsss Então vendi meu cello e comprei as passagens para Espanha, onde trabalharia alguns meses e depois ia para a Alemanha , só que o plano não funcionou como pensei A banda de Samba estava sem trabalho e acabaram voltando e eu consegui trabalho como saxofonista com vários grupos de jazz e orquestra de baile ,mas fiquei sem tocar cello por 02 anos…depois comprei um cello la na espanha e comecei a tocar cello feito louco…o dia todo e acabei recuperanbdo um pouco a técnica e entrei para o estudio da RTVE onde eu fazia as trilhas sonoras com cello, flautas , sax e comecei a tocar cello com a turma do popular e do jazz.

Tinha eu 23 anos de idade em alguns meses rsss

Respondendo ao Guilherme- Pergunta 02

2. como voce encara a diferença no estudo da musica erudita e da musica popular, no que diz respeito a tecnica e linguagem? o que te toma mais tempo de estudo?

R: A diferença existe sim…principalmente quando uma das partes não conhece a outra, Mas quando conhecemos as 02 escolas (Erudito e Clássico ) sabemos admirar e respeitar e principalmente entender estas 02 grandes escolas .

reflita….

“O sábio avalia o ignorante porque já foi ignorante;

Mas o ignorante não pode avaliar o sábio, porque nunca foi sábio.”

Quando só conhecemos somente um dos lado e achamos que somos sábios, não passamos de ignorantes….

Muitos músicos eruditos acham que o musico popular ou jazzista não passa de ignorantes…muito preconceito . O mesmo acontece com os músicos que só tocam jazz e não conhecem o erudito ,a ignorancia é do músico que a cultiva e não da música, pois música é apenas música .Assim como o homem inventou a religião para explicar Deus, os músicos inventaram os estilos para entender a música .

O que posso garantir é que TODO MÚSICO QUE ESTUDOU JAZZ E CLASSICO E NÃO JAZZ OU CLÁSSICO se torna um grande conhecedor do mundo da música.

..principalmente por quer a maioria dos músicos que só estudam o erudito , acha que o músico (Popular o jazzista ) toca de ouvido, por inspiração divina…

Pergunto :

É possivel compor uma sonata ou uma fuga sem nunca ter estudado ?????

Se você disse SIM existe gente que nunca estudou e mesmo assim consegue compor uma sonata ou uma fuga e escrever a bendita .

Então existe também gente que consegue improvisar e compor sem nunca ter estudado jazz .Mas acredito ser reencarnação de alguma alma musical .

.

Eu acho na minha opnião o JAZZ e o ClÁSSICO complementares entre sim.

A escola de todo JAZZISTA é a escola CLÁSSICA .

Todo músico clássico deveria estudar o Jazz , assim como faz todos os jazzistas .

Músico bom é o que topca os 02 estilos , onde a MUSICALIDADE esta acima da lei dos homens .

Na minha opnião é mais fácil virar um bom músico erudito em menos tempo do que virar um jazzista , Acho o jazz uma música que exige alem de domínio técnico e linguagem uma MUSICALIDADE muito alta, pois:

JAZZ = CRIAR

ERUDITO = RECRIAR

Um músico erudito batalha para conseguir tocar exatamente como fulano ou Beltrano. estudando inclusive a mesma cadência do concerto . Pense como é diferente uma audição para avaliar 02 músicos diferentes .

Para participar do Festival de Campos de Jordão o músico vai ser avalido pele que ele consegue RECRIAR alé no momento ou seja CONSEGUIR TOCAR UM TRECHO DO CONCERTO…

O jazzista ao ser avaliado, todos podem tocar a mesma música , mas aquele que tocar IGUAL a algo que ja existe , por exemplo O MESMO SOLO ESCRITO ou Improviso (Cadência ) é desclassificado…

Eu por exemplo, por improvisar com a flauta doce sou o Patinho Feio do mundo da flauta doce , mas a diferen’;ca é que eu consigo fazer o que eles fazem (os eruditos ) mas eles alem de não conseguirem fazer o que faço ,eles nem entendem…

Posso não fazer no cello uma música erudita de nível alto, mas eu consigo entende-la . Ja um músico erudito quando escuta Charlie Parker tocando ou Coltranne, não entende nada e acha que é um monte de notas ao léo…

Por isso acho mais difícil atingir um nível alto no Jazz do que no erudito, pois RECRIAR ALGO QUE JÁ EXISTE É MUITO MAIS FÁCIL POIS TEMOS UMA REFERENCIA…MAS CRIAR ALGO QUE NUNCA ESCUTAMOS E EM TEMPO REAL, É MAIS COMPLICADO E EXIGE MAIS DA MUSICALIDADE DO MÚSICO.

RESUMINDO,: FELIZ DO MÚSICO QUE TEM A OPORTUNIDADE DE ESTUDAR A MÚSICA PELO TODO , PELA MÚSICA ,LIVRE DE BANDEIRAS E RÓTULOS.

Por isso gosto e escuto de tudo..Temn dia que acordo Beethoveniano..outros dias acordo Cesar Camatrgo Mariano…outros sou Arrigo Barnabé e outros sou Zézé…

Por isso frequento todas as comunidades, sejam baixistas , trompetistas ,etc…tô com todos, pois Musica é música e gosto de aprender coisas novas .

Respondendo ao Guilherme – Pergunta 03

3. eu vejo vc sempre muito empenhado em alguma nova empreitada, seja no estudo do oboe, gravações de jazz com flauta doce ou na construção do explicasax. quais são hj as suas aspirações como musico e professor? vc tem planos para medio e longo prazo que possa dividir com a gente?

R: O explicasax já tem 10 anos de existencia …mais de 50 mil saxofonistas cadastrados e usuários ,esta indo super bem

No momento estou escolhendo o repertório para um Show de sax ( Jazz ) na cidade de Socorro dia 16 de agosto .

Estou no terceiro periodo de Licenciatura na Unincor .

Quero ainda este ano gravar novas vídeo aulas (Sobre improvisação ) e comprar uma F250 cabine dupla para poder fazer uma viagem pela Patagonia junto com minha esposa

Ela não quer ir de moto rssss

Obs: Ela é pianista Erudita e Popular e também cantora

Respondendo ao Guilherme – Pergunta 04

4. quais são as caracteristicas mais importantes em um musico ou de um estudante de musica na sua opinião? o que alguem deve buscar para se tornar uma pessoa musical e um profissional de respeito?

R:

Para mim a maior caracteristica de um músico é O RESPEITO !

Respeito com os colegas, com os horários, com a partitura, com a harmonia, com os solos, com o instrumento, com seu tempo de estudo , enfim RESPEITO.

Minha opnião para que um músico possa se tornar musical, é importante :

ESCUTAR e REPETIR

ESCREVER e TOCAR

TOCAR e ESCREVER

CANTAR E TOCAR

TOCAR E CANTAR

.

http://www.orkut.com.br/Main#CommMsgs.aspx…905043473443408

.

A DICA É : ” QUEM SABE FAZ A HORA E NÃO ESPERA ACONTECER….”

Abs e obrigaduuuuu

Ivan Meyer

NA FOTO ESTOU COM 16 ANOS E JÁ ERA CONTRABAIXISTA DE UMA BIG BAND …MUITA ÁGUA JÁ ROLOU..MUITAS EMOÇÕES

One thought on “Minha história…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *